Desde que assumiu o mandato na Câmara Municipal de São Paulo, a vereadora Janaína Lima contratou um número reduzido de assessores, abriu mão de carro oficial e motorista e instituiu que a verba de gabinete deva ser usada para apenas para o que é realmente necessário. O resultado disso é uma poupança de R$ 1.617.205,74 de dinheiro público. Todo este valor será direcionado para a Secretaria Municipal de Educação ao fim do mandato.